EB Manuel Teixeira Gomes e EB Arq.º Gonçalo Ribeiro Telles
Escola Ciência Viva - ID: 1137
102
Viva a Ciência
Alunos da Escola Ciência Viva fazem escalada na exposição Espinafres & Desporto
Os alunos do 4.º ano da EB Manuel Teixeira Gomes e EB Arq.º Gonçalo Ribeiro Telles experimentaram uma semana cheia de emoção na Escola Ciência Viva do Pavilhão do Conhecimento

Pequenos cientistas, grandes questões!
Qual é a diferença entre um médico e um neurocientista? Há médicos que se dedicam a estudar as doenças do sistema nervoso mas ao contrário do médico que se preocupa fundamentalmente com as doenças e como elas acontecem, o neurocientista também gosta de saber como as coisas acontecem, como funcionam independentemente da doença.
Encontro com a investigadora Ana Sebastião
O conhecimento e a experiência de Ana Sebastião, neurocientista, conduziram-nos à compreensão do cérebro humano e muito mais. Através de imagens e atividades explicou-nos a utilidade do nosso cérebro, como está organizado e o seu funcionamento. Esclareceu que os neurónios, apesar de terem diferentes formas, têm a mesma função: comunicar uns com os outros de modo a que o nosso cérebro funcione. Como mensagem final recomendou-nos ter uma alimentação saudável, exercitar o nosso corpo e cérebro para nos mantermos saudáveis.
Viva a Ciência
102
Deliciosas madalenas de fruta
Banana, laranja, maçã ou frutos silvestres
Adorámos estar na cozinha a preparar umas deliciosas madalenas de fruta que comemos com grande agrado e satisfação. E aprendemos que a cozinha e a ciência têm mais em comum do que se possa pensar. Quando se diz que a curiosidade matou o gato, na ciência e na cozinha, esse dito não é válido. Não devemos ter medo de fazer experiências e descobrir as transformações que os alimentos sofrem durante o processo culinário. Cada passo de uma receita pode ser compreendido à luz do conhecimento científico;
As nossas madalenas de fruta: banana, laranja, maçã e frutos silvestres
pois foram precisas muitas tentativas e erros até se chegar às instruções das receitas já conhecidas.
Afinal a Ciência também está nas coisas simples do dia a dia!
https://hourofcode.com/br/po/learn
A Hora do Código
Esta atividade foi muito interessante porque tem por princípio a programação. De forma muito simples pudemos programar os movimentos do jogo, criando códigos necessários.
O mais interessante é que a “Hora do Código” é para todos, desde os mais novos até aos seniores, pode ser jogado com os nossos avós e por toda a família. Em casa já começámos a jogar. Na escola, infelizmente, não temos equipamentos.
Scratch Jr.
Esta atividade foi muito divertida e será muito útil nos nossos trabalhos escolares. Todos construímos o nosso filme animado, com som, movimento e efeitos especiais. Podemos realizar pequenos filmes a partir dos textos criados por nós.
Afinal o que é a ciência?
… é o lugar onde me inspiro e imagino.
… é explorar as coisas desconhecidas, investigar as que encontramos e depois da informação toda, partilhar com os outros.
… é partir à descoberta de algo novo e também, tudo o que nos rodeia.
Maglev, o comboio de alta velocidade
Após algumas experiências com vários ímanes, ficámos boquiabertos quando conhecemos um veículo chamado Maglev. É um veículo semelhante a um comboio que em vez de ter rodas que se deslocam em carris, é propulsionado por forças magnéticas.